sexta-feira, 17 de julho de 2009

Waltinho é reconhecido lá fora. Parabéns, irmão!

Waltinho Silva, nosso companheiro e dono de um dos mais brilhantes traços na arte da charge está em novos ares. Depois de voar para São Paulo e co-assinar um contrato com a Apple para desenvolver um game junto àquela empresa, já se encontra em Brasília com o seu novo desafio: Criar personagens e cenários (suponho ser a sua tarefa).
É bom ver um profissional da nossa terra se sobressair no grande mercado.
Até o ano passado Waltinho ministrava um concorrido curso de grafismo na Fundação Cultural da prefeitura. Iniciou muitos alunos que queriam aprender a arte do traço e auxiliou muitos outros que naturalmente já "rabiscavam", repasando-lhes técnicas e conhecimentos adquiridos ao longo dos anos e na UFRJ, onde fez Belas Artes. Desde o início do ano seus alunos estão órfãos.
Também bacharel em jornalismo, Walter me auxiliou muito quando recebemos na Casa de Cultura Villa Maria, em parceria com a Assossiação José Marti, a exposição itinerante "Não ao Bloqueio", que até hoje percorre o mundo, registrando por onde passa um grito a favor de Cuba.
Walter tem o seu trabalho ajudando a ecoar este clamor. É que por onde passa, a exposição inclui uma obra de um artista local, e de Campos saiu um do Walter, com direito a sua história ao lado da charge.
Dividam comigo a alegria de receber um e-mail como o que recebi hoje do amigo. Agradecendo oportunamente aos empresários e "amigos" que sempre dificultavam a ele uma oportunidade de trabalho quando, pessoalmente, me empenhava em conseguir. Talvez o prejudicaria. Mas há tempo! Só que ele deve voltar, agora, mais carinho...mas vamos, por outro lado dar a ele o Carinho que merece por levar o nome de Campos mais longe.
VAI LÁ MENINO!!!

Joca,

Após a nossa ida a São Paulo para assinar o contrato com a Apple, viemos para Brasília, onde já estamos desenvolvendo o projeto que requer muito sigilo. Estamos ligados também à IBM - Brasil(nao sei o pq) .
Temos que correr para entregar o game. Vc sabe que esse novo campo foi-me aberto após eu ter emplacado algumas charges na revista inglesa global "Eye...". Porém te confesso que gostaria também de estar publicando nos jornais da nossa terrinha, mas parece que não sirvo praí.
Mas sirvo para a Inglaterra, para a Apple, para o estado de Minas, através do Diário da Tarde, e de ter o reconhecimento do papa do cartunismo Ziraldo...
abraços a todos

3 comentários:

Candoca disse...

Oi
Gostaria de te convidar para conhecer meu blog: camadegatogoytaca.blogspot.com
Um abraço
candoca

Joca Muylaert disse...

Valeu, mas já tenho visitado.
Parabéns.

Provisano disse...

Eu, particularmente, fico extremamente feliz com o sucesso de Waltinho, ele é um talento de primeira linha.

Tive a honra de trabalhar á seis mãos, numa história em quadrinhos desenvolvida para a Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima, para a V Bienal do Livro. Waltinho, Sérgio Escovêdo (El Hombre sim miedo) e esse modesto comentarista que vos escreve, Sérgio Provisano, fizemos uma revistinha que foi o grande "must", como diriam os colunistas sociais, do evento.

Isso enriqueceu sobremaneira o meu currículo e só tenho agradecer essa oportunidade, ao Waltinho, egresso como Escola de Design que é a Escola Nacional de Belas Artes da UFRJ.

Vida longa ao Waltinho nessa carreira internacional!